Atividades de coesão textual com gabarito

Aprender o que é coesão textual é muito importante para qualquer estudante que vá fazer o Enem, um vestibular ou até mesmo um concurso que envolva redação. esta é, por exemplo, uma das competências avaliadas na redação do Enem. Por isso mesmo que fazer exercícios envolvendo o assunto e também conhecer os mecanismos coesivos mais importantes para construir um texto coesão é fundamental no período de preparação para o teste que alunos farão.

Na lista de exercícios abaixo você poderá treinar um pouco este conteúdo. Você ainda verá ao final o gabarito para conferir se acertou ou não as questões. O gabarito vem, inclusive, com comentário adaptado de um material que uso nas minhas aulas e que tem ajudado milhares de estudantes nos últimos anos a conseguir passar numa faculdade federal.

Ainda sobre o assunto, é bom que se diga que os períodos compostos (formados por mais de uma oração), seja por coordenação, seja por subordinação, constroem-se, em muitos casos, por meio de conectivos. Nem todo período composto apresenta conectivo entre suas orações, mas, quando isso ocorre, é preciso usá-lo de forma adequada, se você não quiser tornar o período incompreensível. Para cada tipo de relação que você pretende estabelecer entre duas orações, existe uma conjunção que se adapta a ela. Por exemplo, a conjunção “mas” deve ser empregada para estabelecer uma relação de oposição entre dois enunciados. Caso a relação seja de adição ou explicação, você pode usar, por exemplo, “e” ou “pois”. Falaremos mais sobre isso em artigos específicos aqui dentro do Português Intensivo depois. Agora, fique com nossos exercícios com gabarito.

Lista de exercícios sobre coesão textual


Como ler bem

O bom repórter deve ser imparcial, diz a lição número 1 do jornalismo.  (1)Mas o bom leitor (2)também tem sua regra de ouro. Ele deve (4)sempre, (5)sempre, manter a cabeça aberta. O bom leitor sabe se distanciar das paixões. Está sempre disposto a ouvir uma ideia nova – (5)ainda que ela coloque abaixo suas ideias antigas. (3)Posto assim, ler bem parece um desafio fácil. Não é, como também não é simples ser imparcial.

(SUPERINTERESSANTE, ed. n° 269 – Seção ESCUTA – texto adaptado)

1. Constatando a presença dos elementos de coesão como fatores da construção de sentido, só não está correta a afirmação de que

(A) o articulador mas (ref. 1) relaciona-se semanticamente com o articulador também (ref. 2), introduzindo, respectivamente, ideias de contraste e inclusão, no sentido do texto.
(B) o termo posto assim (ref. 3) refere-se às atitudes recomendadas ao bom leitor, anteriormente indicadas.
(C) a repetição do termo sempre (ref. 4) reforça a ideia de contradição entre a lição número 1 “do repórter e a “regra de ouro” do leitor.
(D) o articulador representado por ainda que (ref. 5) introduz o sentido de concessão, conectando as expressões “ideia nova” e “ideias antigas”.
(E) nenhuma das anteriores.

2. Observe o período a seguir: Neste ano, muitos empresários estavam interessados no projeto de arte-educação, porque o governo federal concedia benefícios fiscais às empresas.

O item que inverte a relação de ideias nas orações apresentadas é:

(A) Neste ano, muitos empresários estavam tão interessados no projeto de arte-educação que o governo federal concedeu benefícios fiscais às empresas.
(B) Neste ano, muitos empresários estavam interessados no projeto de arte-educação, uma vez que o governo federal concedia benefícios às empresas.
(C) Neste ano, muitos empresários estavam interessados no projeto de arte-educação, visto que o governo federal concedia benefícios fiscais às empresas.
(D) Neste ano, como o governo federal concedia benefícios fiscais às empresas, muitos empresários estavam interessados no projeto de arte-educação.
(E) Neste ano, já que o governo federal concedia benefícios fiscais às empresas, muitos empresários estavam interessados no projeto de arte-educação.

3. “Doente, não pinta mais, vai aos poucos perdendo as forças (…) confessa que dissecara trinta cadáveres, corpos que precisou comprar ou roubar para arrancar a pele, seguir o caminho das veias, estudar a junção dos ossos, aprender a disposição dos músculos, à procura dos segredos do movimento do homem. Mostra suas pesquisas, as conclusões a que chegou, as questões que formulou, tudo anotado numa escrita peculiar, intraduzível, indecifrável durante anos (…) Esses cadernos, se revelados e aceitos na época, certamente teriam feito a medicina avançar cem anos, no mínimo”.

Assinale a alternativa em que a oração “se revelados e aceitos na época”está reescrita sem perder seu sentido original.
(A) Esses cadernos, porque revelados e aceitos na época, certamente teriam feito a medicina avançar cem anos, no mínimo.
(B) Esses cadernos, embora revelados e aceitos na época, certamente teriam feito a medicina avançar cem anos, no mínimo.
(C) Esses cadernos, à medida que revelados e aceitos na época, certamente teriam feito a medicina avançar cem anos, no mínimo.
(D) Esses cadernos, desde que revelados e aceitos na época, certamente teriam feito a medicina avançar cem anos, no mínimo.
(E) Esses cadernos, apesar de revelados e aceitos na época, certamente teriam feito a medicina avançar cem anos, no mínimo.

Respostas dos exercícios de coesão textual

 

1. C
A repetição do termo sempre (ref. 4) reforça a ideia de contradição entre a “lição número 7 ” do repórter e a “regra de ouro” do leitor.
A alternativa (C) está errada, pois o termo “sempre” não estabelece relação de contradição entre partes do texto, apenas reforça o comportamento que o leitor deve ter diante dele. Provavelmente, o autor vê essa atitude como algo difícil para-o leitor, porém muito necessário a uma boa leitura, daí a ênfase.

2. A
Neste ano, muitos empresários estavam tão interessados no projeto de arte-educação que o governo federal concedeu benefícios fiscais às empresas.
De acordo com o período acima, a concessão de benefícios ficais pelo governo foi consequência do interesse dos empresários – o que inverte a relação original apresentada. Quantos às opções (B), (C), (D) e (E): a relação causa-consequência segue a relação original – o interesse dos empresários como consequência dos benefícios concedidos pelo governo.

3. D
Esses cadernos, desde que revelados e aceitos na época, certamente teriam feito a medicina avançar cem anos, no mínimo.
Para não haver perda do sentido original, a oração intercalada deve ser introduzida por uma conjunção que sugira uma condição, como a conjunção “desde que”- equivalente neste contexto à conjunção “se”. Quanto à alternativa (A), a conjunção “porque” sugere uma explicação. Na (B) e na (E), as conjunções “apesar” e “embora” sugerem uma concessão (uma ideia em conflito com a oração anterior). Em (C), a expressão “à medida que” expressa uma ideia de proporção e deve estabelecer uma relação de igualdade, aumento ou diminuição em relação à oração principal.

Atividades de coesão textual com gabarito
5 (100%) 1 vote

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *